4 dicas para um fluxo de caixa perfeito

Compartilhe:
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Uma das coisas mais importantes na gestão de um negócio é, sem dúvida, o fluxo de caixa – um instrumento que as empresas usam para ter um melhor controle financeiro, projetando para períodos futuros como será a sua entrada e saída de dinheiro.

É o fluxo de caixa que permitirá uma melhor noção da saúde financeira da empresa por parte dos gestores, servindo de indicação para tomada de decisões e medidas que podem interferir positivamente no equilíbrio do caixa da empresa a médio e longo prazo.

No post de hoje vamos mostrar quatro dicas cruciais para assegurar que o fluxo de caixa seja controlado de maneira eficaz. Vamos lá?

1- Um bom fluxo de caixa precisa de atualização constante

Como as finanças da sua empresa não vão ficar paradas (ao menos alguns gastos sempre vão existir), é necessário alimentar o fluxo de caixa constantemente, registrando cada movimentação que envolve tanto entrada quanto saída de dinheiro. Por isso, mesmo que você gaste R$ 2,00 com compra de algum material de escritório, coloque na lista de gastos especificando em que categoria da empresa isto foi investido. Se o lucro for de apenas R$ 1,00 em um produto, também registre na conta. Tudo precisa ser contabilizado para que você tenha real conhecimento dos gastos ou ganhos da empresa.

2- Sempre faça consultas antes de tomar suas decisões

Como o fluxo de caixa serve como uma espécie de projeção para o futuro, acompanhar o dia a dia da movimentação financeira vai te ajudar a escolher os melhores caminhos para investir ou cortar custos. Use esta ferramenta como uma bússola e sempre consulte as informações ali contidas para apoiar o processo de tomada de decisões que tenham relação com a parte financeira da empresa. Com isso você ganha fôlego para crescer em cenários futuros e evita situações que podem prejudicar o seu orçamento e a lucratividade do seu negócio.

3- Planeje a longo prazo

Se você acompanhar de perto seu fluxo de caixa, vai saber não só a situação atual da empresa, mas também o que está por vir. E ainda que esteja passando por momentos de crise, este tipo de conhecimento vai ser fundamental para que possa melhorar a situação daqui a algum tempo. Mudar atitudes – tanto relacionadas à oportunidades de negócios como de gastos, cortes ou redução de despesas e desperdícios – para equilibrar as contas e estar estruturado a longo prazo é uma ótima maneira de garantir a sobrevivência da sua empresa!

4- Conte com um bom controle financeiro

Uma planilha para controlar o seu fluxo de caixa já é um bom começo, mas um sistema pode facilitar as coisas ainda mais e evitar erros! Além disto, um software de gestão financeira integrado é capaz de otimizar diversas áreas da empresa, como estoque, vendas e emissão de NF-e. Isso ajuda a melhorar os processos, fugir de prejuízos e até mesmo evitar desperdícios que poderiam ser revertidos em melhorias para a sua empresa. Por isso, não espere mais, conheça o Sage Start e assuma logo o controle da sua empresa. Comece seu teste grátis!

Acredite, manter um bom fluxo de caixa é um dos grandes segredos para o sucesso da sua empresa. Afinal, equilibrar receitas e despesas é a melhor maneira de garantir que os resultados financeiros sejam satisfatórios e mantenham o negócio de portas abertas. Já tem esse controle? Conte para a gente nos comentários!

BANNER_controlefinanceiro_SS_648x150 (1)

Compartilhe:
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe uma resposta