analise-swot

Análise SWOT – Como aproveitá-la para o planejamento da empresa

Compartilhe:
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Um bom diagnóstico estratégico estabelece as bases para um plano de negócios bem-sucedido. A ferramenta SWOT (forças, fraquezas, oportunidades e ameaças) permite uma rápida e acessível análise estratégica da sua empresa. Ou seja, a análise SWOT é uma ferramenta que permite avaliar a posição estratégica de uma empresa e definir suas linhas de ação.

Mas o que é esta ferramenta já clássica da administração de empresas? Como fazer análise SWOT? Acompanhe no nosso post:

Definição dos pontos fortes e fracos

A análise SWOT permite definir os pontos fortes, os pontos fracos, as oportunidades e as ameaças que uma empresa enfrenta e permite traçar linhas de ação com base em diagnósticos internos e externos.

Os pontos fortes e fracos são aspectos internos da empresa que afetam as chances de sucesso de uma estratégia empresarial. Os pontos fracos de uma empresa variam, dependendo do setor e da equipe. Exemplos comuns são falhas da produção, falta de investimento em marketing e em novas tecnologias. Exemplos de pontos fortes de uma empresa são uma base de clientes leais ou um produto altamente diferenciado no mercado.

As oportunidades e ameaças são decorrentes do contexto econômico, ou seja, o que ocorre ou pode ocorrer fora da empresa. Normalmente, esses eventos não podem ser influenciados, pois atuam de forma independente. A alteração do quadro legal ou fiscal, a evolução do consumo, a chegada de uma nova tecnologia ou uma mudança de estratégia dos concorrentes podem aumentar as chances de sucesso (oportunidades) ou diminuir (ameaças).

Como fazer a análise SWOT?

A técnica exige uma análise dos diferentes elementos que fazem parte do funcionamento interno da organização e que podem ter implicações no seu desenvolvimento. Tais como os tipos de produtos ou serviços oferecidos pela organização, as vantagens comparativas em relação a outros fornecedores, a capacidade de gestão e liderança. Bem como os pontos fortes e fracos da organização nas áreas administrativas. Os pontos fortes e fracos se relacionam com a organização e seus produtos. Ao passo que oportunidades e ameaças são fatores externos sobre os quais a organização não tem controle.

As perguntas a seguir servem como gatilhos para fazer um balanço da situação da sua empresa tanto internamente quanto em relação ao contexto econômico:

Forças

Quais são os pontos em que a sua empresa se destaca em relação às outras empresas? A sua empresa é forte no mercado ou no seu segmento-alvo? Por quê? Será que a sua equipe está comprometida com a empresa e com os seus planos para o futuro?

Fraquezas

Quais são as coisas que a sua empresa não faz bem, em relação aos concorrentes? Quais são as razões por trás dos problemas? As fraquezas vêm da falta de recursos?

Oportunidades

O mercado em que sua empresa opera está crescendo? Existem quaisquer novas tecnologias de que a sua empresa pode tirar vantagem?

Ameaças

Que coisas os concorrentes fazem para melhorar sua empresa? Existem quaisquer novas tecnologias ou tendências de consumo que ameaçam o futuro de seus produtos ou serviços?

Conclusões

A prática desta análise técnica, não só nos permite fazer um exercício de eficiência como alcançar objetivos organizacionais. A técnica SWOT permite desenvolver processos mentais de gestão e transformação da informação por meio do exercício de habilidades de pensamento analítico. A análise SWOT busca detectar e aproveitar as oportunidades especiais de um negócio em um determinado momento evitando as ameaças por meio da boa utilização dos seus pontos fortes e da neutralização dos seus pontos fracos.

Às vezes há oportunidades externas, mas a empresa tem fraquezas internas que a impede de explorar essas oportunidades. Por exemplo, pode haver uma grande demanda por dispositivos eletrônicos de controle de combustível de motores de automóveis (oportunidade), mas um fabricante de autopeças pode não ter a tecnologia necessária para produzir esses dispositivos (fraqueza). Como muitas ferramentas de análise de negócios, a análise SWOT não fornece resultados conclusivos, mas oferece informações e diagnósticos para servir de base à tomada de decisão da empresa.

E você? Quer saber mais sobre a análise SWOT? Comente com a gente!

Compartilhe:
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Um comentário em “Análise SWOT – Como aproveitá-la para o planejamento da empresa

Deixe uma resposta