Como organizar as finanças da empresa?

Compartilhe:
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

As empresas são criadas e desenvolvidas para vender sempre mais e mais. Quando o assunto é a administração financeira, logo se pensa em lucrar rápido e bastante o suficiente para poder quitar todas as dívidas da empresa. Entretanto, para uma boa organização financeira, isso nem sempre é suficiente. O empreendedor precisa aprender a planejar as suas finanças de modo a conseguir um lucro mais sustentável e em longo prazo. Mas como organizar as finanças da empresa?

Descubra algumas dicas básicas de finanças para empreendedores no post de hoje!

Por que o controle financeiro é importante?

O controle financeiro permite que a empresa faça uma análise clara de quais produtos e serviços geram mais lucro, quais custam mais do que rendem e se a empresa está gastando mais do que deveria. Além disso, o controle é de vital importância para entender a situação financeira da empresa e permitir que o seu negócio cresça de modo saudável.

Quais ferramentas são importantes para o controle financeiro do meu negócio?

1. Controle de vendas

Essa ferramenta permite saber qual foi o lucro gerado pelas vendas realizadas pela empresa, quais produtos e serviços tiveram maior saída, qual a porcentagem de vendas à vista e qual a porcentagem de vendas a prazo.

O controle de vendas é importante porque reúne todas essas informações em um único documento para serem analisadas pelo empreendedor no final de cada mês. O controle contempla as seguintes informações: data da venda, cliente, produto ou serviço vendido, valor e forma de pagamento.

Ao preencher esse controle diariamente, é possível se ter uma ideia clara de quais produtos tem maior saída, quais os serviços mais procurados e quais os serviços ou produtos não vendem como deveriam. Além disso, o controle de vendas permite verificar em quais produtos vale a pena focar e em quais serviços investir.

2. Livro caixa

O livro caixa é a ferramenta financeira onde são registrados todos os pagamentos e recebimentos em dinheiro, lançados de forma cronológica. Por meio desse controle, é possível conhecer a origem e o destino de todo o dinheiro movimentado diariamente pelo seu negócio.

O livro caixa contempla as seguintes informações: data do recebimento ou do pagamento, descrição do que foi pago ou recebido e o valor de cada um dos negócios. Outro benefício do controle diário do livro caixa é que ele permite saber exatamente quanto dinheiro da empresa foi gasto para o pagamento das despesas pessoais do empreendedor e vice-versa. O livro caixa também permite saber quando foi usado dinheiro de outras fontes para pagar despesas da empresa.

Quanto mais detalhado for esse controle, mais se saberá sobre o desempenho financeiro do negócio.

3. Fluxo de caixa

O fluxo de caixa é o mapa que demonstra todas as entradas e saídas de capital da empresa. Para fazer o fluxo de caixa, é preciso anotar todas as entradas do mês e todos os gastos, como compras de matéria-prima e pagamentos dos funcionários.

Essa ferramenta permite saber como o seu negócio está se comportando mês a mês. A análise do fluxo de caixa também possibilita fazer o controle de contas a pagar e a receber, além de prever receitas e despesas futuras. Por exemplo, caso a sua empresa tenha comprado uma máquina em doze parcelas de 100 reais, é preciso lançar essas parcelas a vencer no fluxo de caixa, assim como todas as despesas que a empresa terá no futuro. Assim, é possível prever quanto dinheiro será gasto nos próximos meses e se será preciso reduzir os custos.

O fluxo de caixa e o controle de vendas da empresa podem ser melhor geridos através de um software de gestão. O Sage Start é um software capaz de agilizar e tornar muito mais prático e eficaz o controle financeiro da sua empresa.

LEIA MAIS:

Ficou com alguma dúvida? Quais as ferramentas você usa para o controle financeiro da sua empresa? Comente no espaço abaixo e compartilhe com a gente!

Software de gest„o empresarial

Compartilhe:
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe uma resposta