Como usar o ROI para medir a eficiência das suas campanhas

A taxa de return on investment, ou simplesmente ROI, é um dos indicadores mais interessantes para alinhar o planejamento de qualquer investimento. No entanto, para obter sucesso nessa empreitada, é necessário medir o ROI individual das diversas ações da empresa e manter um histórico preciso da sua evolução. Assim, ao executar qualquer novo projeto, é possível saber o seu retorno em comparação aos números reais anteriores do negócio e fazer os ajustes necessários. Embora possa ser essencial, o ROI não deve ser a única métrica, evidentemente, mas pode ser um fator de decisão importante. Quer descobrir como usar o return on investment para medir a eficiência de suas campanhas? Confira no texto a seguir:

O que é ROI?

Como já dito anteriormente, o ROI é a sigla para return on investment, traduzindo para o português, retorno sobre investimento. Ele nada mais é do que a relação básica entre a quantidade de dinheiro que a empresa ganhou ou perdeu como resultado final de um investimento. Em palavras simples: é quanto você ganhou diante de quanto você investiu! A fórmula para calcular o ROI é:

Retorno do investimento – investimento inicial / investimento.

Como o ROI pode ser útil?

Calcular seu ROI será interessante para você saber se está ou não usando seu dinheiro de maneira inteligente. Os investidores profissionais usam essa métrica para avaliar o potencial de um negócio ou até de um empreendimento como um todo e comparar com outros investimentos que podem ser feitos.

Dessa maneira, é possível compreender também o que está funcionando dentro do negócio e, até mais do que isso, é através do ROI que o gestor pode adaptar os rumos e decisões de como investir.

Como usar o ROI na sua empresa

Com o conhecimento dessa métrica e a possibilidade de traçar novos rumos, você pode entender o quão eficiente e fundamental é o ROI. Ele pode alterar seus objetivos, pois mostra claramente se algo dá ou não o retorno esperado e, caso não dê, incentiva a partir para novos caminhos.

Traçar metas realistas sempre é interessante para a empresa, bem como monitorá-las de forma constante através de métricas eficazes. O ROI pode sofrer alterações por períodos curtos, como, por exemplo, épocas festivas que aumentam as vendas ou final do mês, que reduzem. Quando a avaliação é permanente, as informações são indispensáveis para a melhor escolha dos rumos a serem tomados.

O uso de métricas para avaliar o desempenho de uma empresa e especialmente sobre o impacto das campanhas nas vendas está ficando cada vez mais comum e indispensável para quem busca se destacar no mercado. O ROI é uma das mais significativas e não pode ficar de fora da planilha do gestor inteligente na hora de definir metas e realinhar os planos. Faça uma avaliação constante e precisa para sentir o quanto antes a diferença que isso fará para os resultados futuros. Tenha o ROI como um bom indicador: você terá muito mais embasamento em suas decisões!

E na sua empresa, você já mensura o ROI de suas ações? Deixe um comentário e compartilhe conosco suas experiências!

Compartilhe
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe uma resposta