Intrapreneurship: inovação também na gestão de pequenas empresas

Novos produtos ou serviços se tornam o diferencial para aumentar a carteira de clientes, potencializar os lucros e permitir novos investimentos. Ainda assim, empresas de todos os portes precisam buscar formas de inovar sempre.

Este processo não é fácil e demanda mais do que tecnologia de ponta: é importante que cada iniciativa seja pensada e conduzida por pessoas – idealmente aquelas que já fazem parte do seu quadro de funcionários.

Afinal, tão essencial quanto à inovação, são os trabalhadores que se engajam para desenvolver ações e ideias que resultem em novos negócios para as empresas. No mundo corporativo, esse tipo de comportamento já é definido por conceito, que tem um nome mais complicado quanto o desafio que resume: trata-se do intrapreneurship, ou, em tradução livre, intraempreendedorismo.

Quer saber como isso pode trazer inovação para a gestão de pequenas empresas? Continue lendo nosso post!

Uma nova forma de empreender

O intrapreneurship tem o objetivo de valorizar as ideias que os funcionários possam ter de uma maneira participativa. Essa estratégia garante que esse conhecimento não se perca ou seja esquecido, além, é claro, de evitar que um bom negócio acabe vazando e caindo nas mãos da concorrência.

O conceito de intrapreneurship acaba sendo uma nova forma de empreender. Ao invés de sair do seu trabalho para dar início a um novo negócio, o funcionário pode optar por ser um empreendedor dentro da empresa em que atua. As suas ideias acabam por ser usadas pela companhia de modo a garantir o sucesso e o desenvolvimento dos negócios — e também para trazer resultados positivos e reconhecimento para aquele trabalhador.

Como reconhecer intrapreneurs na sua empresa?

Os colaboradores que se enquadram nesse perfil costumam se diferenciar dos demais colegas de trabalho. Assumem riscos, se empenham na solução de problemas e têm um sistema de atuação que se assemelha aos que são adotados pelos próprios empresários.

Enquanto que o empresário possui um trabalho mais amplo, é responsável por toda uma empresa, os chamados intrapreneurs são pessoas focadas em solucionar alguma demanda específica – apesar de um espírito bastante empreendedor. Por isso, o papel dos “empreendedores internos” é fundamental no aumento de produtividade da companhia.

Como usar isso a favor da empresa?

Os intrapreneurs têm uma função estratégica na sua empresa, já que têm um olhar voltado às novidades e são altamente capazes de trazer tendências de mercado, destacando as melhores formas de agir e apontando a melhor direção para a sua empresa.

Por ter uma atuação inteiramente voltada para a inovação, o intrapreneur busca experimentar mais. Para tal, precisam de liberdade para analisar as demandas de todos os ângulos possíveis e desenvolver soluções eficientes para a empresa. O trabalho criativo pede autonomia e pode trazer grandes benefícios para o seu negócio!

Consegue reconhecer algum profissional com este perfil na sua empresa? Se sim, valorize isso e aproveite a liderança e o grande potencial dos intrapreneurs para garantir vantagem competitiva. Isso pode ser uma ótima maneira de trazer inovação para a gestão de pequenas empresas!

Compartilhe:
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe um comentário