O que é Growth Hacking e como ele pode ajudar sua empresa?

Criado por Sean Ellis, principal gestor de marketing do Dropbox — software de armazenamento e compartilhamento de dados em servidores na nuvem —, o termo Growth Hacking tem se popularizado cada vez mais no meio dos profissionais de marketing e empresários dos mais diversos setores. Como um empreendedor de pequeno porte, certamente, em suas buscas por meios de divulgação para MEI, você já deve ter ouvido falar ou lido algo sobre Growth Hacking, não é mesmo?

Mas afinal, o que esse termo significa? Por se tratar de uma expressão, não existe uma tradução exata do termo Growth Hacking, mas é correto afirmar que ele foi originado da soma dos seguintes conceitos:

  • Growth: Crescimento;
  • Hacking: Ação de encontrar brechas, cortes ou espaços.

Ou seja, o Growth Hacking pode ser interpretado como uma ferramenta de marketing utilizada para encontrar tendência, que, se forem estimuladas, podem desencadear um rápido índice de crescimento. Ele também pode ser percebido como uma técnica de crescimento acelerado que se “aproveita” de oportunidades e gatilhos para estabelecer suas estratégias.

Entretanto, antes de entrarmos nesse aspecto, vamos falar um pouco mais sobre a essência do significado de Growth Hacking e por que ele pode ser considerado como uma grande inovação no marketing.

Quem é o Growth Hacker e como ele atua?

O nascimento do Growth Hacker, profissional que oferece o serviço de consultoria e Growth Hacking, aconteceu quando Sean Ellis notou que, após realizar seu trabalho nas empresas, bastava um tempo até que o negócio começasse a perder o ritmo de crescimento ou mesmo estagnasse. Então, ele percebeu a necessidade de profissionais para acompanharem o seu trabalho e assessorarem as empresas durante sua empreitada.

O perfil do Growth Hacker

Possuir conhecimento técnico e prático de marketing é apenas um dos requisitos. O Growth Hacker precisa conhecer profundamente aspectos como:

  • A psicologia do consumidor;
  • A tecnologia;
  • Os processos envolvidos na jornada de compra;
  • Métodos de experimentação.

Mas dentre esses conhecimentos, o mais relevante é o que trata do comportamento do consumidor durante a jornada de compra, pois ele, a exemplo das tendências de mercado — também sofre influência de aspectos sociais, políticos, econômicos e culturais.

Conhecendo não somente o comportamento do público diante do mercado, mas também as características que mais influenciam no poder de compra, é possível unir o conhecimento a respeito de Marketing para encontrar tendências e gatilhos que podem resultar em experimentos e, finalmente, traçar estratégias baseadas em hipóteses testadas.

Como o Growth Hacking pode beneficiar pequenas empresas?

Dentre as ferramentas e estratégias de inovação no marketing utilizadas em Growth Hacking, estão:

Unconventional PR

Trata-se de uma ação não convencional, que usa o comportamento da empresa como estratégia de marketing, para chamar atenção do público. Como uma campanha de propagação de conteúdo viral, por exemplo. A intenção é “chocar” o público e a mídia de forma positiva.

Inbound Marketing

Uma grande tendência no mundo do marketing digital, o Inbound Marketing oferece ótimas alternativas de divulgação para MEI’s, pois suas estratégias e ações não necessitam de grandes investimentos, mas sim de criatividade, esforço e trabalho.

Também conhecido como marketing de conteúdo, o Inbound Marketing consiste em atrair o cliente até a empresa, por meio de propagação de conteúdo útil e relevante para seu público-alvo, usando de ferramentas como:

  • Blogs;
  • Redes sociais;
  • Canais do youtube;
  • Podcasts;
  • Infográficos;
  • Ebooks;
  • Planilhas;
  • Webinars etc.

E-mail Marketing

Muito utilizado como complemento das estratégias de Inbound Marketing, o e-mail marketing é uma ótima ferramenta para se comunicar diretamente com seus leads — clientes em potencial, que foram atraídos para sua marca e demonstraram interesse em consumir seu produto —, aproximando-os e os mantendo atualizados a respeito de novos produtos, promoções e novidades.

Speaking Engagements

Graças à internet e as mídias digitais, essa estratégia não precisa se limitar apenas a palestras presenciais (o que é uma ótima forma de se comunicar e propagar a ideologia da empresa). Hoje, podemos contar com canais no Youtube, webinars, podcasts, hangouts e muitas outras formas de se gerar discussões em tempo real; o que é causa muito engajamento com clientes e abre inúmeras oportunidades de negócios.

Há mais sobre Growth Hacking além disso?

O conceito de Growth Hacking é muito abrangente, mas, se tentarmos resumi-lo, dizemos que se trata de uma ferramenta que “abraça” todas as oportunidades relacionadas à inovação no marketing e ao uso da tecnologia, com o fim de obter o crescimento da empresa. Sem dúvida, ele é uma ótima forma de divulgação para o MEI!

O que você acha do conceito de Growth Hacking? Acredita que suas inovadoras ferramentas podem alavancar os resultados de uma pequena empresa? Deixe um comentário compartilhando sua opinião!

Software de gestão empresarial

Compartilhe
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe uma resposta