Preço de venda: como calcular?

Há algum tempo, fizemos um post que dava dicas para descobrir quanto cobrar por um serviço. Quando o assunto é determinar o preço de um produto, as dúvidas são praticamente as mesmas e muitos empreendedores costumam ficar tensos.

Em primeiro lugar, saiba que o pricing (processo de colocar preços dos produtos ou serviços) é uma ciência e exige uma atitude experimental que envolve a forma como se quer vender uma marca e como os seus produtos são percebidos no mercado. É preciso fazer testes e encontrar um valor que seja conveniente tanto para o comprador como para o vendedor. Afinal, o objetivo de qualquer negócio é gerar lucro para permitir que ele cresça e continue operando.

Para começar, aprender o cálculo preço de venda do seu produto é essencial. Continue lendo nosso post e descubra como fazer isso.

Qual a fórmula para o cálculo preço de venda de um produto?

A conta para determinar o Preço de Venda é simples: Custo total (soma de todos os custos de venda do produto) + Margem de lucro (quanto você deseja receber a mais pela venda deste produto). O resultado é o preço final que você oferecerá ao seu público.

Mas como obter o custo total de um produto?

De primeira, pode ser difícil obter o custo total de um produto, especialmente se ele é o primeiro a ser vendido. Na maioria dos casos, recomenda-se que você faça estimativas e faça os ajustes necessários ao longo do tempo.

As maiores despesas que afetam o custo de um produto são:

  •          Custo do produto: Preço unitário pago ao seu fornecedor e transportadora (considerando impostos);
  •          Aluguel: taxa a ser paga pelo espaço para executar o negócio (escritório, casa, armazém, etc.). Dividida pelo número total de itens vendidos no mesmo período;
  •          Serviços: Pagamento de serviços necessários à operação do negócio (luz, água, gás, Internet, telefone, etc.). Dividido pelo número total de itens vendidos no mesmo período;
  •          Salários: Pagamento aos empregados da empresa (recepcionista, serviços de limpeza, caixa, vendedores) Dividido pelo número total de itens vendidos no mesmo período;
  •          Consumíveis: os itens utilizados para operação de negócios (clipes, rótulos, tinta de impressora, etc.);
  •          Móveis: equipamentos necessários para adquirir e manter as operações comerciais (impressora, computador, mesa, cadeiras, etc). Estes artigos geralmente duram muito tempo (alguns anos), de modo que deve ser considerado por um período de tempo prolongado;
  •          Publicidade e Marketing:  custos para divulgar seu produto, comissões de vendas, etc.  Dividido pelo número total de itens vendidos no mesmo período;
  •          Diversos: quaisquer despesas extras do tipo de negócio (embalagem, transporte, seguros, etc.);

Some tudo e saberá o custo total para comercializar um produto.

Dica extra: Independentemente do tempo de trabalho, é necessário sempre considerar o aluguel, eletricidade, internet, entre outros, no preço dos seus produtos.

BANNER_controlevendas_SS_648x150 (1)

Como definir o lucro no preço de venda de um produto?

E aí que muita gente fica em dúvida! Para não ter erro, pense em uma porcentagem de lucro “razoável”. Afinal, é inútil definir uma margem de lucro enorme, se ninguém vai comprar o produto por achar caro demais. É claro que isso depende do tipo de produto que você comercializa: itens de luxo, muitas vezes, têm lucro muito alto (até 30%), enquanto os itens convencionais e altamente competitivos podem ter uma margem bastante pequena (inferior a 10%).

Um valor justo é geralmente entre 15 e 25%. Na medida do possível sempre teste diferentes porcentagens (começando com o mais alto) e veja como o volume de vendas é afetado. A concorrência de preços também pode servir como uma comparação. Considere o volume de vendas e a receita líquida por produto. Um lucro de 10% em um produto R$ 1.000,00 não é o mesmo que 10% de lucro em um produto de R$1.

O preço de venda de um produto é determinado por vários fatores. Pode ser difícil determinar exatamente todos os custos, mas definir um preço de venda justo vai ajudar o seu negócio a crescer sem sacrificar suas vendas. Pense nisso!

Compartilhe
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

2 comentários em “Preço de venda: como calcular?

Deixe uma resposta