Você conhece sua equipe?

Compartilhe:
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Muitos gestores apontam que uma das dificuldades no trabalho está justamente em gerenciar times. Afinal de contas, é necessário lidar não apenas com o seu universo, mas com o de cada membro, sem perder o foco no objetivo a ser alcançado.

Não é fácil. Mas está muito longe de ser impossível. Uma das primeiras coisas que devemos abandonar logo de cara é a ideia de que a força para criar um time depende mais de algo além das forças de trabalho.

Para entender os conceitos por trás das relações e saber gerenciar times da melhor forma, separamos três pontos básicos para a sua reflexão.

Conhecendo o gestor

Antes de buscar no outro qualquer resposta, é fundamental se conhecer. Como gestor, quais as suas qualidades e onde ainda precisa trabalhar? Você pode propor uma autoavaliação e também pedir para que colegas e ex-colegas também deem um feedback sobre seu perfil profissional. Podem ser avaliações anônimas — existem algumas ferramentas gratuitas na internet que podem ajudar — ou reuniões abertas.

Faça uma análise franca e não tenha medo dos pontos negativos. Afinal, eles vão permitir que você melhore para se tornar o profissional que sempre buscou ser.

Potencialidades e defeitos

Depois de um olhar cuidadoso sobre si mesmo é possível começar a olhar em volta. Mas se livrando de todo um possível pré-julgamento ou pré-conceitos sobre os membros da sua equipe. Assim como você, são profissionais com desejos, vontades e sonhos.

Qual o perfil de cada profissional? Existem diversos testes que podem ajudar. Às vezes, um membro não se encaixa numa equipe simplesmente por estar mal posicionado. Já parou para pensar que aquela pessoa que causa atritos está infeliz com alguma situação que pode ser resolvida? Ao invés de buscar a solução mais fácil a curto prazo — trocar o empregado — que tal tentar investir nele para descobrir o que ele tem a oferecer?

Você vai certamente se surpreender ao modificar o seu olhar sobre as pessoas com quem divide as tarefas e talvez descobrir que, com um pouco de paciência, é possível transformar aqueles grandes erros em vantagens.

Projeto em mãos

Por fim, é possível pensar sobre o projeto a ser realizado. Sabendo como funciona sua equipe separadamente, fica mais fácil ajustá-la às necessidades do projeto de acordo com o que eles podem oferecer. Não apenas isso, mas a alocação dos recursos humanos feita com eficiência permite que você possa saber o que exigir de cada um e oferecer parâmetros válidos para a avaliação dos resultados obtidos.

A grande verdade é que gerenciar sua equipe é a chave que poderá levar ao sucesso ou ao fracasso de uma empreitada.

Então, separe um tempo para se dar a chance de conhecer a si mesmo e seus funcionários. Assim, você conseguirá em cada membro a noção da sua importância para o funcionamento do todo. E o que é uma equipe, senão uma engrenagem bem azeitada?

E você, já teve algum problema de gestão de equipe? Aproveite, curta e compartilhe suas ideias aqui conosco.

Compartilhe:
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Um comentário em “Você conhece sua equipe?

  1. Achei muito bom este conteúdo. Estou entrando neste processo de conhecimento do empreender on line e buscar estas orientações é interessante, porque o que estou vendo é que escolha de fucionarios com pretensas qualidades, mas sem preparo de trabalho em equipe é um verdadeiro problema. Acho que nem sempre vale a pena mantê-los para um projeto de crescimento. É desgastante. Obrigada Olinda MULTIARTE

Deixe um comentário