Você se considera um bom vendedor?

O comércio e as atividades de vendas, em geral, correspondem a um segmento que emprega bastante no Brasil, no entanto, como em qualquer outra área, são privilegiados aqueles profissionais que se saem melhor nas suas atuações. Mas será que somente atender bem os clientes é suficiente para ser um bom vendedor?

 Para ser mais procurado pelo seu público, ter seu trabalho reconhecido e se mostrar como um profissional de destaque, saiba que é preciso muito mais do que isso. A cada dia as pessoas estão mais cientes de seus direitos no papel de consumidores e, consequentemente, se comportam com mais exigências na hora de comprar.

 

Em vista desse contexto, que tal conhecer algumas dicas preciosas para se tornar um profissional melhor e conseguir muito mais vendas?

 

Cuide da sua aparência

Mesmo que no local onde você trabalhe seja preciso usar uniforme, a boa aparência tem a ver com um aspecto limpo, bem arrumado e cuidado. Se você mostrar aos clientes que é cuidadoso consigo, vai passar a impressão de que será igualmente caprichoso com os negócios que fizer com ele. O vestuário e a boa aparência são fatores que influenciam positivamente em qualquer nível de vendas.

 

Ouça mais

É muito mais proveitoso ouvir o que o cliente tem a dizer do que ficar tentando empurrar um produto a ele ou falar sem parar sobre as qualidades de uma mercadoria. Ao ouvir com calma e atenção o que a pessoa têm a dizer, o vendedor terá muito mais elementos para entender o que levou o consumidor ao estabelecimento, analisar seu perfil de compra e justificar os anúncios e indicações que fizer.

Apenas depois que souber do que o cliente precisa você deve mencionar o que tem para lhe oferecer.

 

Conheça bem o que você vende

Quanto mais você souber acerca dos produtos que vende, seus modos de uso e pontos fracos e fortes, mais poderá dialogar com os clientes, tirar suas dúvidas e opor-se a suas refutações. Dessa maneira, se alguém fizer uma pergunta, você vai ser capaz de respondê-la mais rapidamente, exibindo segurança, conhecimento e confiança no que diz.

 

Pense no cliente em primeiro lugar

O bom vendedor tem que se mostrar preocupado em satisfazer o cliente. Para isso, você deve colocar as demandas e vontades da pessoa que está sendo atendida em primeiro lugar, muito à frente das comissões que vai receber pela venda.

Lembre-se de que, se o cliente tiver confiança em você e se sentir confortável com seu entendimento, ainda que não compre nada dessa vez, poderá retornar à loja em outra oportunidade ou indicá-la a parentes e amigos. Por isso, dar ênfase às demandas do comprador vai facilitar bastante as suas chances de estabelecer um relacionamento positivo com ele.

 

Seja assertivo

Não faça longas apresentações do serviço ou mercadoria. Em vez disso, fale somente o básico dentro da análise de perfil que tiver elaborado. Em seguida, convide a pessoa a tomar algum tipo de ação, a fim de deixá-la mais segura e não abandonar todo o movimento da venda só em suas mãos.

 

Tenha paciência

Qualquer vendedor lida diariamente com vários perfis de clientes, e muitos não concretizam as compras. Você vai ter que responder muitas vezes às mesmas perguntas, e pior: muitas vezes, seguidas, no mesmo dia.

Sendo assim, é essencial ser tolerante e manter o sorriso no rosto, de modo a oferecer cortesia e educação em alto grau. A paciência faz parte das qualidades de um vendedor de sucesso!

 

Se você quiser ser um ótimo vendedor, coloque essas dicas em prática o quanto antes e, depois, comemore os resultados! Você já usa essas recomendações no seu dia a dia? Acha que alguma dica importante ficou de fora? Escreva para a gente nos comentários!

 

 

Compartilhe:
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Um comentário em “Você se considera um bom vendedor?

Deixe um comentário